Páginas

domingo, julho 13, 2014

Dias perfeitos - livro


Foi uma grata surpresa chegar em casa e encontrar "Dias Perfeitos" do Raphael Montes embrulhado numa caixa para mim, Não o havia comprado, somente depois lembrei de ter me inscrito no sorteio da cortesia no Skoob. A segunda surpresa foi começar a ler o livro e não conseguir terminá-lo até o fim; simplesmente devorei o livro em poucas horas,sem parar para absolutamente nada.

A narrativa de um jovem e introspectivo estudante de medicina (Téo),promete desde o início quando começamos a perceber quem e o quê ele é, e olhe que ele está descrevendo uma paixão (a história é mostrada do ponto de vista de Téo), por uma mulher. A trama de verdade começa quando Téo acompanha a mãe (uma senhora paraplégica) a uma festa para a qual não quer ir e, lá tentando se isolar é confrontado por Clarice, uma jovem que é seu oposto, emocional e extrovertida. O breve encontro gera um selinho dado por Clarice e desencadeia uma série de eventos na mente e na vida de Téo, que passa a seguir Clarice e que uma vez apaixonado fará de tudo para que ela lhe corresponda, o sequestro em seguida é apenas o início da confusão e da obsessão que tomam conta de Téo e aos poucos vão revelando tudo de que ele é capaz em nome desse "amor".
A narrativa de Raphael é ágil e eficiente, os momentos de tensão surgem de forma natural e a subtramas vão se resolvendo de uma maneira fluída e factível. Os argumentos e a lógica do personagem chegam a encantar e nos faz refletir até onde iríamos na busca de nossos objetivos se fosse possível fazer tudo o que nos vem à cabeça e como justificamos isso? O final é um diferente do que se poderia esperar e isso com certeza irá chocar alguns ou fazê-los gostar ainda mais do romance e do protagonista Téo. O livro vale muito a pena e depois de ler "Dias Perfeitos" fiquei muito curioso pra ler o romance de estreia de Raphael "Suicidas". 

Edição: 1
Editora: Companhia das Letras
ISBN: 9788535924015
Ano: 2014
Páginas: 280
Postar um comentário