Páginas

terça-feira, abril 01, 2008

36 mil vagas do ProUni.

(Fonte: Universia)
Estudantes que não se inscreveram para o ProUni (Programa Universidade Para Todos), mas têm interesse em concorrer a uma das bolsas podem procurar a IES (Instituição de Ensino Superior) onde estão regularmente matriculados num curso de graduação para disputar a uma das vagas remanescentes do programa.

Segundo informações da SESu/MEC (Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação) não foram preenchidas 11.739 bolsas integrais e 24.573 bolsas parciais totalizando 36.312 bolsas ociosas, o que corresponde a 34,2% do total de 106.134 benefícios ofertados em IES privadas do País.
O ProUni foi lançado em 2004 pelo governo federal com o intuito de dar acesso a ex-alunos carentes da rede pública do Ensino Médio ou de bolsistas integrais das escolas particulares ao Ensino Superior a partir de bolsas nas instituições particulares. São concedidas bolsas integrais, que cobrem todos os custos das mensalidades escolares, e parciais, com o pagamento de 50% das mensalidades.

Para participar, o candidato tem que cumprir uma série de requisitos, entre eles, ter feito o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) em 2007 e ter obtido média superior a 45 pontos; ter feito todo o Ensino Médio em escola pública ou na rede particular na condição de bolsista integral; comprovar renda familiar per capita até um salário mínimo e meio (R$ 570,00 em valores de hoje) para concorrer à bolsa integral e até três salários mínimos (R$ 1.140,00) para a bolsa de 50% do valor da mensalidade.
Mais informações no site oficial AQUI - ou pelo telefone 0800 616161.
Postar um comentário